Eu sei...sim eu sei



Eu sei onde te encontrei a primeira vez e onde procurar-te sempre, para que possas fazer-me sorrir e chorar...

Hoje encerro e amanhã seguramente com o mesmo sorriso de sempre pegarei a tua mão e voltaremos a cruzar as nossas palavras, trocando sorrisos.

Obrigado por me teres permitido ser tão feliz, aqui !

À Filipa, à Laura,ao Nilson, à Micas, ao Luís Pereira, ao João,à Pecola, à Marian, à Estrela,à Adryka, à Sukkub, à Sónia, à Andreia, à Bárbara, ao Mauro, à Monalisa,à Vénus,à Elma e a todos os que acarinharam este espaço.

Um particular e especial agradecimento ao Carlos Alberto, sem ele nada faria sentido .

Volto um dia destes. Tears...

(Neste espaço fica muito do Carlos Alberto, tudo o que aqui foi escrito espelha sentimentos na primeira pessoa. Vividos, experimentados e partilhados)

Comentários

Micas disse…
Demora o tempo que te for necessário, mas volta, fazes falta por aqui.
Quero deixar-te um abraço sentido pelas palavras de conforto e pelo carinho. É nestas alturas que melhor sabe sentir o calor da amizade.
Bem Hajas.
Vou regressando, aos pouquinhos, para já este recolhimento é me necessário.
Beijo
Marian disse…
Que esse dia chegue depressa e radioso
E até lá

Que o caminho seja brando a teus pés,
o vento sopre leve em teus ombros.
Que o sol brilhe cálido sobre tua face,
as chuvas caiam serenas em teus campos.
E até que eu de novo te veja,
que os Deuses te guardem
nas palmas de suas mãos.
(Bênção Irlandesa)
Com Amor
Marian
Luis Pereira disse…
?????................!!!!!!!!!!!


Um espaço que vai deixar saudades.

Quem escreve com a alma, escreve com amor.

Um grande abraço.
João disse…
Caro Carlos,

As tuas palavras vão fazer falta, a todos aqueles que se habituaram a ter aqui espelhado em palavras temas tão bem retradados, comentados, e culturalmente enriquecidos. Palavras que traduzem a personalidade de um Carlos de que me orgulho ter conhecido. Lamento que, o meu regresso marque a tua partida. Contudo espero que voltes um dia.

Um abraço João.
Sukkub disse…
Vá.. Não demores.. Quem espera desespera e tal.. mas leva o tempo que quiseres e precisares. Desde que voltes..

O que queres que te diga sobre fotografia? eu digo te o que souber mas sobre o quê?

:) A gente cá espera! *
Ana Luar disse…
Acho que é a 1ª vez que aqui entro...e com tristeza vejo que te despedes...embora que seja apenas por uns tempos. Queria dizer-te que é notório o prazer que dás aos teus amigos...os que diáriamnete te leiem...a mim deste-mo hoje pk só hoje entrei neste mundo de palavras encantadas. Volta depressa...não deixes o encanto ir...gostei do que li!!!
Nilson Barcelli disse…
A amizade que se vai criando. masmo a dos blogues, não esmorece com o tempo.
Quando voltares, seja amanhã ou daqui a um século, avisa.
Um grande abraço, caro amigo.
Papoila_Rubra disse…
truz! truz! truz!

Eh amigo, toca a sair da toca!!!

A Primavera já chegou!...

Vem!...
beijo grande

Mensagens populares deste blogue

O tempo e os tempos

Ondas sonoras a metro na cidade